facebook

HERANÇA Eu recebi duas visitas, dois tios desta vida desencarnados. Helena e Pedro. Vieram de longe para ressuscitar uma herança transcendental. Eles trouxeram documentos para legalizar uma jura. Ali Helena falou sobre um segredo que carrego, mas não contou, manteve guardado. Eu fui com eles até uma cidade perto daqui que está enraizada este caminho. Lá vimos aquilo que ficou pendente, mas não foi resolvido. Vim embora, eles ficaram lá. Ao chegar aqui tive que voltar, eu não estava em paz. Tentei, mas me colocaram em outra situação. Fui diretamente ao seminário onde dois padres e uma freira estavam me inquirindo. _ Eu estudei aqui! Fomos para o reservado e logo as coisas foram colocadas em pratos limpos. Eles queriam me submeter aos seus caprichos e eu tive que usar da razão para lhes mostrar o outro lado. Ali foi algo que eles não esperavam, pois fui ao fundo desta história. Até São Miguel veio ao meu encontro. A verdade foi divulgada. Mostrei que eu tenho herança transcendental e não podia ser coagido. Meu Pai Francisco de Assis com Clara se apresentaram nesta confirmação. Sabe. Eu falei daquilo que eu via no momento. As imagens chegavam e eu formava as palavras. Como digo, tudo vem na hora certa. Os três ficaram travados, não tinham argumentos para me contradizer. Sim, eu tive princípios católicos e só não segui a igreja porque não tive alternativa. Eu encontrei aqui neste amanhecer o abrigo que Seta Branca e mãe Yara são responsáveis. O amanhecer já estava na programação de descer à terra.Tia Neiva foi escolhida para esta missão específica de fazer a conjunção planetária do sol, da lua com a terra. Somente uma clarividente podia implantar este poder. Ser clarividente é algo transcendental, algo sobrenatural. Eu estou dando aulas para depois receber elas. Assim foi com Neiva que recebeu as aulas para ensinar seus filhos. Muitos mentores não tem clarividência, são instrumentos da paz e do amor. Fazem seus trabalhos lendo a linha da vida. Mãos abertas sobre o trono. Poucas entidades têm a clarividência ou vidência. Humahã é clarividente e recebeu uma honraria de Seta Branca como ministro. Eu tive a feliz oportunidade de assistir sua consagração. Fui convidado para aclamar este momento. Palmas. Estes três representantes da Santa Igreja Católica ouviram uma doutrinação diferente, na essência divina. Eu não sai do equilíbrio. Quando eles queriam discutir eu mostrava a razão condicional deles mesmos. Eu tenho herança e tenho algo em segredo que nem eu mesmo sei, mas desconfio. Não vou atrás, um dia tudo desabrocha. Procure e não acharás. A maior dificuldade desta atualidade é saber diferenciar os valores e os princípios. Muitos valores e poucos princípios. Esta noite foi um arrasto para mostrar aquilo que fomos preparados para fazer, evangelizar. Voltei do seminário com as portas abertas para voltar. Quando eu saí, mais ou menos em 1975, elas se fecharam, politica, e agora viram o que perderam. As raízes não podem serem cortadas para que os frutos desabrochem. Sem herança não tem herdeiros. Aqui neste amanhecer tem muitos herdeiros que sem transcendental estão conquistando suas posições. Muitos herdeiros nativos estão seguindo caminhos de espinhos e outros estão podando. Muitos filósofos e poucos trabalhadores. Eu assisti a tudo isso em dois planos. Não duvidem dos espíritos. Quem é cego espiritualmente sempre vai criticar as boas obras. Sejam felizes e abracem seus conterrâneos que aceitaram esta vida promissora. Talvez aquele segredo esteja naquele contato, mas nunca abram a guarda demais. Como disse Jesus: Orai e vigiai. Seria como rezar com sua espada em mãos. Não deem bobeira para não serem pegos desprevenidos. Salve Deus! Adjunto Apurê An/Un 11.08.2022

HUMILDADE 'Eu quero ser como um grãozinho de areia para caber em vossos corações ". SETA BRANCA. Jaguar, por mais inteligente que seja o homem ele desconhece os princípios de quem somos nós. Eu vendo o outro lado e fazendo as comparações digo que seria muito mais fácil a simplicidade do espírito para chegar ao seu destino. Aqui na terra podem ter tudo, mas lá podem não ter nada. O respeito pelas minorias ou maiorias eleva o grau de merecimento. Quando o homem da terra esnoba seus feitos pode saber que ele tem sérios problemas de relacionamento e aceitação. Seria igual a todos os sofredores que chegam distorcendo a realidade e depois que são ouvidos choram suas mágoas. A psicologia do preto velho é deixar a pessoa falar, porém, eu deixo aquele espírito falar. Não a personalidade, mas a individualidade. Na terra temos os psicólogos que escutam os desabafos da terra e no amanhecer temos que escutar os espíritos. Vocês não podem imaginar este segredo quando se abre o velho baú. Sem mistificação e sem medo da verdade. Eu procuro ouvir o céu e a terra, equilíbrio, sim, quando você escuta os dois lados tudo se transforma. Não deixem um sofredor desiludido, porquê falaram pra ele que no amanhecer ele seria ouvido e poderia falar. A pior coisa é ele ir embora levando a sua dor. Ele vai, mas deixa toda sua enfermidade com quem não lhe ouviu. Quando ele confessa seu coração acalma. Eu sempre que posso vou aprender nas cartas celestiais. São Miguel é um espírito tão simples que tem a confiança de Jesus. E ele trabalha aqui na terra na missão de Seta Branca. Por isso eu venho apelar ao bom senso, não subam muito alto em uma escada frágil. Já tem muita criança encarnada com alto grau evolutivo. Eu a cada noite e cada dia preciso me vigiar, pois a tentação é grande para fazer crescer a vaidade. Assim como Jesus foi testado no deserto nós também somos testados na missão. Eu não tenho muito a oferecer, pois vivo assim com o que Deus me deu. Agora tem algo muito além do que vossos olhos podem ver. Não se iludam e nem ignorem o chamado. Nossa tribo é muito especial. Horas chegarão em que nos abraçaremos sem resquícios das imperfeições. Irmãos... Demorei um pouco, mas cheguei. Salve Deus! Adjunto Apurê An/Un 10.08.2022

TRANSCENDENTAL A maior dor é aquela que nunca conheceu a verdade. Esta madrugada foi de muita dor, muitas visitas do passado. Não do passado do além, mas desta mesma vida. Minha família desencarnada desta terra. A presença destes espíritos traz desconforto pela energia que nunca foi trabalhada, desenvolvida e manipulada. Muitas enfermidades chegam no descompasso da mediunidade. Somente quem é medium sabe reconhecer as diferenças entre bom e ruim. Esta presença mexeu no meu perispirito porque eu estava deslocado do físico. Por mais que sejam da mesma família desta encarnação eles ainda estão envolvidos na própria dificuldade de aceitar novos caminhos. Querem voltar, mas não sabem como e aí seus espíritos se projetam do espiritual para cá. Eu estava lá tentando ajeitar as coisas, mas a teimosia impede o raciocínio. Ali eu vi como a teimosia impede a evolução. Teimar contra ensinamentos fecha os olhos pra realidade. Aqui na terra eu vejo muito isso. Jaguares vivendo um quadro obsessivo pela teimosia de querer teimar. Nós somos teimosos por natureza, mas olhando de fora para dentro, a teimosia angular faz até bem em querer mudar. Quando ela é para o bem, digo, teimar para concretizar um trabalho que precisa coragem de ir em frente, ela é positiva. Agora ela também é negativa quando teimamos em não mudar nossos destinos do caminho ruim para o caminho bom. Assim está sendo com estes espíritos. Pela tradição eles sempre viveram assim e não querem mudar. Não aceitam novos parâmetros. Aqui entra um pouco de teimosia minha, mas eu não insisto muito, porque é gastar energia. Ao ver que as visitas não querem mudar, querem ajuda sem se ajudar eu não fico insistindo, eu saio e vou buscar aqueles que querem se redimir dos erros. Quem sabe um dia eles se acordem para o chamado. Viver os dois mundos é algo que nos ensina a mudar nossos padrões. Eu tenho pedido ao Pai que deixe cair a viseira carmica do seu povo. Aí eu fico em atenção, será que vão aceitar ver o que não vêem. Como será o impacto de uma abertura tridimensional. Eu aprendi a não teimar comigo mesmo. Deixo a decisão para cada medium que viva esta vida com todo amor e merecimento. Se estão encarnados é porque tiveram merecimento. Não sejam tolos de teimar em ser melhor que seus pares. Aqui somos todos iguais, uns mais evoluídos e outros menos. Eu pergunto ao sábio se ele pode mudar o destino da terra e pergunto ao leigo se ele pude mudar seu carma. Conhecendo um pouco além eu vejo muitas coisas esperando a hora de descer. O que impede é a maldade humana. Se estas coisas descerem elas serão usadas para destruir e não para construir. É como quando descobriram o átomo que era o ápice da revolução da ciência, mas porém já criaram as bombas mortais. O homem não sabe aceitar a bondade, sempre será o seu próprio inimigo. Aqui neste cantinho eu vivo o meu momento de aceitação. Evolução ou involução. Elas caminham juntas separadas pela capacidade de diferenciar os valores. Eu tentei, não teimei. Assim logo pela manhã o quadro se desfez, mas minhas dores não. Eu ainda sou um pouco teimoso comigo mesmo em continuar caminhando dentro deste princípio da missão. Aí é uma teimosia positiva de não voltar atrás, digo, retroceder. Se você já percorreu a coroa de espinhos e venceu os piores obstáculos, querer voltar é se tornar joguete das ilusões. Não mude antes de conhecer o outro lado. Quando você ver o que o aguarda, aí sim, tome sua decisão. Seja sempre verdadeiro em suas colocações. Não vá pelo que falam, porque cada ser tem uma programação diferente. Vá pelo que você conseguiu compreender de sua encarnação. O mundo fechou esta janela. Eu digo, ainda bem que somos o que juramos. Eu comecei a falar de Deus porque somos a sua imagem e semelhança. Entenderam. Eu tive uma grande lição ao curar um enfermo. Aí veio a resposta, talvez aquele outro não possa ser curado. Muito cuidado com a sublimação. O sábio não sai falando de seus feitos. Vejam os mentores, eles curam, mas não ficam nos holofotes. O que eu escrevo é para a compreensão das vidas. Falar da terra todos falam, mas falar do céu poucos comentam. Salve Deus! Adjunto Apurê An/Un 09.08.2022

SINTONIA Jaguares! Deus ouve seus pensamentos. Lá onde não existem barreiras os pensamentos vagam sem destino e sem ter um porto seguro. É um emaranhado de energias que não interferem uma na outra. Podem cruzar, mas não distorcem. Um pensamento pode se perder no vácuo se ele não tiver direção. Assim como na contagem vocês direcionam seus pensamentos para onde o canto de koatay 108 direciona. Ali não se perde a sintonia, a energia sobe e desce como efluvios luminosos. Só que primeiro Deus e depois onde pedirem. Por motivos da falta de conhecimento as vossas mentes estão em terra. Criando um círculo vicioso perigoso. Se esta energia se materializar ela vai cair em cima das vossas cabeças. Será como diz na mensagem de Seta Branca. Quando pai João de Enoque me deu uma ordem eu fui assistir um efeito diferente. Era na estrela candente. Na primeira consagração pedras pretas caíam dentro da água. Na segunda mãe Yara veio abençoar. Na terceira Mestre Humahã veio confirmar: _ você viu meu filho o que aconteceu! _ Sim, eu vi! Era isso que pai João queria que eu visse. Eu sou somente um pequeno mestre que koatay 108 confiou uma linda missão, preparar o retorno da verdade. Eu não me coloco como verdade, sou falho, tenho minhas dores pra cuidar. Mas a relatividade entre dois mundos diferencia os valores que conquistamos. Tem muito mestre conhecedor da doutrina. Conhece muito mais que eu. Eu cumpro ordens e respeito as diretrizes do mestrado. Como adjunto eu procuro o amor em cada coração. Muitas vezes ele esta escondido lá no fundo esquecido de desabrochar. Eu vou cultivando até que ele enraizade e brote uma linda rosa. Depois vou lapidando retirando os espinhos. Eu não exijo nada de quem não pode doar amor. Eu dou exemplos a serem seguidos. O que acontece longe da terra somente os espíritos podem certificar. Vamos cuidar da nossa vida. Salve Deus! Adjunto Apurê An/Un 08.08.2022

Muito lindo... não tenho palavras

ERROS Quando estamos preocupados com os erros dos outros nós esquecemos dos nossos. Jaguares. Não existe ninguém perfeito que possa julgar seu próximo como certo ou errado. Todos estão procurando acertar, mas quando alguém está vigiando seus passos há uma interferência animal. Os erros são acertados com a evolução dos fatos e através do conhecimento. "Ensine o homem a fazer o certo que ele deixa de errar". O livre arbítrio é algo semelhante a liberdade de viver. Uns vivem de uma forma e outros de outra. Não temos o direito de intervir na evolução ou involução, podemos mostrar o caminho e ajudar sem participar. Se tivesse um encarnado sem nenhum erro carmico não estaria preso a terra, então respeitem a existência que Deus concedeu dando a vida. Quem não tiver nenhum pecado que atire a primeira pedra, disse Jesus. Quem souber tudo da espiritualidade que julgue seu próximo. Eu, vendo a amplidão do espaço não tenho direito de matar a fé ou me tornar pedra no caminho. Se eu não puder ajudar eu não vou atrapalhar, só em caso de morte. E mesmo assim eu tento reparar aquele desafeto com ajuda do pai. Ninguém ainda virou santo em terra e pela minha visão espiritual nem no céu. Há muitos caminhos para se chegar ao firmamento, mas somente um leva ao criador. Deixem de tanta hipocrisia e se preocupem com suas evoluções. Quando deixarmos de se preocupar com os alheios nossa vida melhora. Nosso fardo já é pesado demais. Salve Deus! Adjunto Apurê An/Un 07.08.2022

PERGUNTA Achei muito importante uma pergunta que me fizeram hoje sobre um assunto que muitos desconhecem. Ingestão ou absorção. Quando você ingere bebidas alcoólicas você está se contaminando. Quando você tem um amor que não é da doutrina e este amor usa bebidas alcoólicas, no beijo você está absorvendo ectoplasma. Agora quem vai decidir é o jaguar que vive este compromisso. Por ser importante eu postei esta explicação que nas aulas são respondidas por Humahã. Salve Deus! Adjunto Apurê Ana/Un 07.08.2022

DESENVOLVIMENTO Hoje o comando da casa estava com Humahã. Muitas forças presente para aprimorar o intelectual dos aspirantes. Eu gostaria de poder mostrar uma realidade que se tornou abstrata na vida dos jaguares. As leis são eternas movimentações de enormes blocos de energia. Vocês não sabem o que seja isso, pois se vissem dariam mais valor ao desenvolvimento mediunico. A tolice do jaguar é julgar sem conhecer. Muitas vezes eu tento explicar o inevitável confronto de ideias que crescem como rama selvagem e sobem o morro. Nunca verão um cipó descendo pelo caule, ele sempre está procurando a luz. Assim é com nossos espíritos que buscam a luz. Se descermos seremos cobertos pelo nevoeiro cinza. Humahã falava por mim. A inteligência perspicaz do homem na nova era. Todo conhecimento vem fortalecer o sol interior. Para quem conhece os segredos da magia neutra consegue transforma a sua vibração. Humahã tem muito conhecimento que levaria mil anos para se adequar ao processo mediunico. Eles vivem num mundo a frente do nosso. Assim foi essa aula de desenvolvimento. Salve Deus! Adjunto Apurê An/Un 07.08.2022

EU TENHO UM PEDIDO... Sempre comentem as suas missões com seus companheiros de missão, principalmente aqui neste grupo. É uma energia que circula pelo pensamento. Quando vocês escrevem ela gruda como cola. Obs. Tia Neiva recebia muitas cartas, bem antes de chegar a Internet, e antes de abrir os envelopes os mentores retiravam a impregnação da energia que veio grudada nas entrelinhas. Aqui a energia mental vem grudada nas intenções de cada pessoa. Quando ela está bem ou mal você sente a diferença. Então, sempre participem com suas opiniões e digam aquilo que conseguiram em suas evoluções espirituais. Vamos fazer circular a energia viva e resplandecente. Que ela chegue nos mais distantes rincões da terra. Nada ficará escondido por muito tempo.

PERDÃO O perdão é um caminho para libertação. Quem perdoa, ama. Muitos espíritos vieram pedir perdão pelas ofensas das críticas por não saberem diferenciar a verdade. O homem não sabe amar seus irmãos por motivos fúteis, motivos diferenciais somente. Este amor tem que crescer dentro como uma rosa sem espinhos, onde todos podem tocar sem espetar seus dedos. Sentir a suavidade das pétalas e o aroma da pureza. Eu tento colocar dentro de cada coração uma rosa branca, paz, para que o tempo a faça ainda mais bela. Eu jogo com as forças, deixo as pessoas desabafarem seus corações e aquela energia vai sendo conjugada com o verbo transitório. Não se pode tomar o carma de ninguém. Cada ser humano tem seus princípios que é a valorização do eu nesta longa estrada da vida. O efeito da compulsão animal, pensamentos excessivos (obsessões) que levam a comportamentos repetitivos (compulsões). Este processo torna repetitivo a maneira do viver. Quebrar esta compussividade é unificar os meios para dividir os efeitos. Quando estamos no anonimato mundo espiritual a nossa vida é cheia de valores. A questão de se desvencilhar do carma é tomar a simplicidade como meta. Ser professor e aluno ao mesmo tempo. É saber dosar a comunicação. Estes espíritos vieram derrotados, pois subjugaram a disciplina da consciência anímica. _ Perdão mestre! Como Jesus ensinou a quem pedisse água que jamais teria sede, aqui eu vos digo, quem beber desta água do amanhecer sempre terá sede. A sede que eu falo é o conhecimento da verdade. Dois ponto de vista que lá na frente se diferencia pelos valores. A nossa sede estava sendo o conhecimento da ciência, mas tempos ela foi se apagando pela falta de uma janela espiritual. Ninguém aceita outra janela, mesmo que por ela as notícias cheguem. Foi ouvindo este clamor que o mundo deu 21 voltas no siberio. 21 anos mais ou menos que marcou a partida e a nova chegada. O resultado desta comunhão entre os dois planos é a vida retornando: velho espírito em novo corpo. Quem deve perdoar os erros é o físico e o espírito. Cada pessoa tem que conhecer seus mistérios. Saber até onde pode chegar para não ofender a linha mater. Eu não posso perdoar se eu nem sei quais ofensas fizeram. É como um tribunal, se não tem provas ou testemunhas não tem crime. Isso somente a Deus caberá julgar ou será julgado pela sua própria consciência. As pessoas querem paz, mas não procuram ter paz. O silêncio é o segredo do maior desafio. Que os nossos olhos não vejam para que nossos corações não sintam. Cada um tem que consultar seu íntimo e ver se está no caminho certo. Não precisamos de robôs místicos. Salve Deus! Adjunto Apurê An/Un 07.08.2022

FORÇAS CRUZADAS - PARTE DOIS Hoje no templo Seta Branca estava observando seus filhos na eterna busca por respostas. Nós instrutores não podemos deixar de ensinar o amor. No templo, casa dos espíritos, é lugar de aprender a ter humildade, tolerância e amor. Ali somos algozes e vítimas ao mesmo tempo. Se a casa de Seta Branca é uma universidade então é onde vamos nos formar para receber nosso diploma. Tia Neiva assinava sempre os diplomas do doutrinador e do apara. Ali é o começo e o fim da grande transformação. Pai Joaquim deu passagem a Pai João que pediu a prece de Simiromba, pois aquele caminhão de espíritos chegou. Ali não é lugar de discórdia e sim de respeito. Como aqui o frio foi subindo pelas pernas não deu tempo para mais nada. Sempre um dia antes da benção nosso pai chega no templo. A prece foi como uma rede magnética que arrebanhou aqueles espíritos sofredores. Hoje eu estava somente no suporte aos trabalhos. Vi quando um carro chegou com quatro passageiros e somente três desceu. Cadê o quarto! Sumiu quando viu o templo. Não sei se foi pego pela corrente ou fugiu. O equilíbrio físico espiritual é de grande importância para os mediuns do amanhecer. Aqui nenhum mentor chama a atenção, porque é um escola que trata do equilíbrio emocional. Aqui nenhum médium chama a atenção de outro, pois estão no mesmo caminho. O mentor fala na razão e não interfere no livre arbítrio, respeita. Até Seta Branca respeita e muito nosso direito. Para quem conviveu com a clarividente é mais fácil entender as divergências. Como ela disse: amor, muito amor mesmo, poderá até ser uma tia Neiva. Três Orixás, três comandantes, três portas. Eu estava orientando e em vigília comigo mesmo. Eu converso observando a movimentação dos trabalhos. Eu não me desligo por nada deste mundo. O doutrinador é responsável pelo apara e tudo que ele fizer está na contagem do doutrinador. As perigosas e animicas mediunidades. Se Seta Branca estava ali como evangelizador quem somos nós para esconder a verdade. Na prece tudo se normalizou. Entre o desabafo e um pedido o jaguar resiste na doce melodia. Somente um adjunto de povo pode alterar, remover e mudar os caminhos. Ele é o responsável pelo continente. A ele foi entregue o comando maior, um governo que se chama Koatay 108. Eu fui e vi. Salve Deus! Adjunto Apurê An/Un 06.08.2022

FORÇA CRUZADA Uma força cruzada não cura, adoece. Adjunto Apurê An/Un 06.08.2022

CARGA PESADA Eram 3 horas da madrugada quando de repente acordamos com um sentimento negativo de inveja, agouro e mal estar. Era como se um caminhão caçamba desejasse um monte de entulhos para nada ir pra frente. Eu fiquei em sintonia com minha ninfa para nas preces criar uma barreira de forças contrárias àquelas que chegaram. Coisa muito pesada e difícil de se lidar. Aos poucos tudo foi sendo manipulado e lá pelas 4 horas sentimos suavizar a cabeça. Eu parti e cheguei em um castelo de cristal. Tudo era refletivo nas imagens que se apresentavam. Um grande alpendre de basto brilho onde até o chão brilhava. Eu me via em todos os cantos que olhasse. Eu tive um aprendizado que tudo que reflete quebra o quebranto. Sabe que a inveja tem dois lados obscuros e um deles é o quebranto. É como um recém nascido que as pessoas ficam felizes. Até os pais podem colocar quebranto pelo amor. É uma energia oriunda do amor e não do olho grande. Olho grande que seca até pimenteira. _ Coloca um espelho lá! Eu ouvi a voz ecoar no labirinto de espelhos. Liguei os fatos e vi que as pessoas mesmo demonstrando alegria tem energia negativa. Eu me entristeci observando as pessoas ali na simplicidade de dois corações que lutam contra as mazelas do destino. Muitas vezes a felicidade abre às portas para serem fechadas depois pelo mau agouro. Eu tive que quebrar um cristal lá, mas era em referência a terra. Quando aquilo virou caquinhos a energia se desfez e logo o espelho voltou ao normal. Parecia que nunca foi quebrado. O processo da indução é como um cristal que sabendo como manipular quebra a inveja e o quebranto. Eu fiquei por algum tempo e ao sair vi que não era somente aquele castelo feito de cristal, mas uma cidade inteira neste plano espiritual. A luz irradiava no brilho do reflexo. Ao me despedir voltei para a minha terra amada que me acolheu nesta grande viagem de evolução. Aqui é onde estamos nos aperfeiçoando para dar um passo mais largo. Tudo que os encarnados passam faz parte do tratado nas convenções. Nada é por acaso. Somente as lembranças são apagadas para recomeçar uma nova história. Do princípio ao fim, do meio para os lados, de dentro pra fora. O homem pode ser luz ou trevas. Tudo está condicionado no coração que é transmitido mentalmente. Cheguei quando o clarear do dia firmou no horizonte. O sol não raiou ainda. Estamos nos aprontando para receber o eldorado mundo das nossas preces. Aquele que reza afasta os maus agouros da terra. Salve Deus! Adjunto Apurê An/Un 06.08.2022

MISSÃO A maior missão que temos é evangelizar os encarnados e desencarnados. Quarta-feira o templo vazio. Pena Branca veio com Pai Joaquim de Aruanda para trabalhar. Eu recebi uma lição de esperança e bondade. _ Meu filho não está só não meu filho! Pai Joaquim encheu meu coração de luz e fé. Esta noite eu tive a certeza que não estou só neste caminho. Muitos jaguares vieram trabalhar comigo no espiritual. Era uma muralha enorme de pedras ferro e dentro a casa de Seta Branca. Parecia com as muralhas de Jericó. Eu estava na entrada recebendo os trabalhadores da última hora. Neste momento eu lembrei das palavras de Pai Joaquim. Mestres e ninfas caminhando para o reencontro fora das amarras físicas. Não podemos duvidar de nós mesmos porque fomos preparados para esta nova ordem cristica com muito amor, conduta e coragem. Somente um missionário tem coragem e força para mudar e se transformar em um escudo protetor. Quem estiver sob as asas do protetor nada temera diante das tempestades. Os ventos uivantes ecoavam nas frestas da muralha como trombetas para despertar os seres para a batalha final. Como era enorme esta edificação. Os jaguares foram entrando e já se alinhando com suas missões. Eu tive a prova dos mil anos em uma só realidade. Quando assumimos esta jornada nós ficamos a disposição da evolução do sistema. O sistema mediunico também sofre as reparações constantemente. Nada permanece inalterável. O nosso sistema biológico está se transmutando para acompanhar o espírito. Não adianta somente o espírito se evoluir e deixar o corpo padecer. Um depende do outro. Foram muitos irmãos em missão. Salve Deus! Adjunto Apurê An/Un 05.08.2022 valedosdeuses.com.br

O RETORNO A terra parecia estar virada ao avesso. Eu tive a pior visão antes da luz clarear. Guerras, brigas, desentendimento, tudo que não podia acontecer estava acontecendo. Lares em pânico, famílias destruídas, enfim, era muita tragédia que foi aumentando como o fermento dos fariseus. A terra então secou, tudo virou cinzas, o céu se cobriu com um manto cinza. Tudo isso provocado pelo homem. As pessoas aflitas gritavam desesperadas ajoelhadas em ruas desertas sem serem ouvidas. Deus, Jesus, Espírito Santo . O céu vermelhou como sangue do cordeiro. Somente um louvor pedindo a volta de Jesus. Castigo, represálias, o homem não quis ouvir. Se fez de forte ignorando as testemunhas. JESUS, JESUS! VOLTE! O fim dos tempos. Seria esta dor que a terra sentirá em suas entranhas. A dor da morte, não de Deus, mas dele próprio. Eu olhava ao longe e tudo apagado, acabado. Quando estamos na janela do tempo nós não temos precisão de datas, horas ou dias. Vivemos o que se apresenta naquele descortinar da existência extra-fisica. O mundo reage às nossas preces. O desentendimento é uma arma de destruição que fecha o raciocínio. As incertezas dentro das certezas e vice-versa. A terra se colapsou pela ignorância humana. Entre um minuto de descanso e uma reação violenta as vozes clamavam paz. O velho continente agora era uma arma letal. Como se fosse inundação aquela onda suicida avançava arrebatando quem estivesse no caminho. Uma luz no céu como cometa cortou o hemisfério. Aquela luz foi tão forte que por onde passou deixou um rastro de medo e suspense. Não era deste mundo, algo sobrenatural. A terra precisa de calma e consciência. A terra precisa de respeito entre o povo de Deus. Nas liberdades opressivas o resultado é um confronto das almas falidas. O tempo aqui não é como da terra. Aqui pode ser passado, presente ou futuro. É viver um lapso temporal. Dizemos que ser uma cápsula existencial para cada ser. Tia em suas aulas falou sobre a cápsula que ela iria sem nós. Eu peço a Deus que desvie do destino da humanidade esta destruição. Armas apontadas para continentes ameaçando destruir tudo e todos. A cegueira espiritual. O homem perdido na sua existência. Será assim o fim deste ciclo tão pesado! Será que os clamores serão ouvidos! Será que o homem rezador sem fé poderá mudar o destino sem arregaçar as mangas! O trabalho incessante vos libertará das dores. Seta Branca. Se estudarmos cada mensagem do mensageiro teremos respostas para o momento atual. Seta Branca é o mensageiro do amor. As nossas árduas estradas se levantarão para impedir os cavaleiros do Apocalipse. A voz agora tem nome e foi implantada como resposta ao clamor. Não existe cura sem remédio. Não existe luz sem escuridão. Que o ódio não escureça a razão. Terra dos nossos pedidos, um sonho dantesco de esperança que em mil versos fechou seus olhos e ouvidos para o céu. Somente dos céus ouvireis. Seta Branca. Assim foi esta viagem sem destino, sim, como a própria humanidade não terá destino algum se continuar nos confrontos desumanos. A cegueira carmica. Entristeci com o que vi. Peço a Deus que olhe por nós pobres pecadores. Jesus disse: Pai, perdoai-vos, eles não sabem o que fazem. E tudo escureceu. A luz do mundo se apagou. As trevas subiram nas gargalhadas, gritos e gemidos. Estou de volta! A terra é o meu lar. Que tenhamos ouvidos para ouvir. Salve Deus! Adjunto Apurê An/Un 05.08 2022

CONSAGRAÇÃO Esta noite foi de muita realização. Uma consagração espiritual aqui neste templo do amanhecer. Só, que, vejam bem, lá no mundo espiritual tudo é realizado diretamente. Não há intermediários que na terra são representantes. Pelo que eu vi e pude acompanhar os grandes Oráculos abrem suas asas sobre os consagrados. Na afirmação da terra temos os jaguares recebendo suas espadas. Cada espada é uma representação do que recebeu dos planos luminosos. Eu estava na pira com minha ninfa representando a invocação. Mestre Devas transportado do físico fazia a chamada e logo entregava nomes dos ministros, cavaleiros e guias missionárias. Ao passar diante da representante ele fazia sua reverência e cumprimentava o Adjunto que é o responsável pelo templo. Esta condição é única dos mundos espirituais. Eu assisti tudo que pude gravar para não perder um detalhe sequer deste ritual. A invocação da abertura, o sal e perfume, o vinho consagrado, o juramento: o senhor tem seu templo em meu íntimo, nenhum poder é demasiado ao poder dinâmico do meu espírito, o amor e a chama branca da vida residem em mim. Consagrado o jaguar vai até Seta Branca e registra sua consagração emitindo, fazendo sua emissão em voz alta. Eu participei deste rito no espiritual e vi a grandeza de ser um representante na terra. São forças jamais vistas em terra. Assim eu deixo registrado tudo que vi e assisti. Salve Deus! Adjunto Apurê An/Un 03.08.2022

IRMÃO Nesta viagem de retorno ao velho continente eu voltei para visitar meu irmão gêmeo. Espanha, uma cidade longe do centro urbano. Morava em um sítio onde plantavam para sobreviver. Três filhas, igual a mim, só que agora ele vive na cidade. Um sobrado simples de madeira. A escadaria subia da sala para as dependências superiores. Era simples, mas muito bonito. Sentamos na sala para conversar enquanto os demais estavam repousando. O fuso Horário não atrapalhou este reencontro. As 4 horas de distância na cápsula do tempo é como uma fina folha de papel transparente. Vira-se o tempo para chegar no espaço de outra realidade. Só que somos irmãos distantes. Ele é o mais velho, uns segundos, pois viera primeiro a receber o ar da vida. Foi a segunda vez que tivemos contato. Não é minha alma gêmea, é um irmão da mesma origem. Esta distância entre os fusos horários é que separa os destinos e não a distância física. O país que ele vive está mais ou menos 4 horas a frente. Vejam como é difícil manter aproximação. A tal curvatura do tempo no espaço. Esta madrugada deu certo de nos reunirmos. Foi pouco tempo, mas suficiente para colocar em ordem nosso relacionamento familiar. Como sempre é o mais brincalhão. Sempre aprontando coisas para alegrar. Teve uma hora que eu tive que subir para voltar. O dia vinha clareando a terra e sua família já dava sinal de acordar. Minha visita terminará, eu tinha que vir embora. Este meu irmão veio comigo para completarmos uma missão. Tudo é igual, somos iguais em pensamento e ação. Até parece que estamos ligados em sintonia. Eu fico ligado espiritualmente porque não sei o que virá de encontro. Uma vez Seta Branca veio me dizer que meu irmão espiritual viria me ajudar nesta missão. Eu fiquei esperando, esperando e nada dele aparecer. Só que quem veio foi Tiãozinho, mas eu nem me liguei. Tiãozinho começou a vir mais e mais e foi ajudando nesta transição material. Desde a construção do templo na planilha astral desvendando os efeitos climáticos da terra, vento sul, vento norte, o pêndulo das coordenadas onde aqui as lanças se verticalizam na horizontal. Um efeito sublime da captação energética que está acima das cabeças. Eletrizante ver o magnético fazendo transitar o átomo. Em poucos minutos a saudade foi compensada. Voltei. Eu ainda trago na lembrança do eu as marcas do compromisso que assumi. A clarividente me deu todas as ferramentas para desenvolver as faculdades dinâmicas e nunca podou a minha evolução. Eu só agradeço por tê-la reencontrado nesta vida que gerou outra vida. Os caminhos dos velhos contemporâneos se cruzaram novamente. Somos famílias tentando se reorganizar. Todos devem ter seus laços de afinidade. Muitas vezes estão na terra e outras no céu. Somente a verdade pode sanar as dúvidas. A grande jornada é preparar nossos corações para abrir as portas para esta transformação. Nada se perde, tudo se transforma. Até uma fruta se transforma em adubo. O que é da terra pertence a terra. Eu tento modificar o padrão existencial com cautela. Já tentei em outras encarnações fazer com que as viseiras carmicas caíssem e foi decepcionante. Todos perderam o motivo de estarem sublimados. Por isso a ciência esotérica é crucial ligação entre dois mundos. Vamos abrindo os segredos conforme a preparação. Nada se perderá nesta contagem. As estrelas vão brilhar no firmamento onde um mago vespaziano criou raízes. Finalmente tudo começou a transitar entre as casas transitórias. Eu me submeto a ordem iniciática dos avatanos. Grandes colônias espirituais se preparam para pisar nesta terra de Deus. Outras irão embora e outras quem sabe como será. Só uma coisa que eu deixo registrado nestas entrelinhas. Não se tornem vitrines porque os encouraçados podem quebrar. Aqui na terra todos são iguais biologicamente. Pode ser que um tenha mais merecimento que o outro, mas somente isso. Os corpos não mudam sua composição mesmo sendo cientistas, doutores ou leigos viventes. Pode ser pobre ou rico, mas eles são iguais na existência. Eu fico olhando este povo de Seta Branca que acham que são melhores por serem do amanhecer. Johnson Plata está reencarnado, mas dentro do que estabelece a sua cultura. Ele não pode aparecer ainda, mas tem indícios de sua chegada ao cume desta corporação. As barreiras impostas para fechar esta reestruturação coloca a perder uma redenção carmica. São poderes diferentes. Também não sei se ele aceitará este compromisso. Salve Deus! Adjunto Apurê An/Un 02.08.2022

INJUSTIÇA Porque esta tribo está em pé de guerra! Esta passagem mostrou que o cerco está se fechando, pois as tribos já foram divididas. A perseguição aos desertores do comando do grande exército promoveu o fechando das entradas da cidade. Barreiras foram levantadas em cada uma das três portas, quem estava dentro não saía e quem estava fora não entrava. Eu vi a duplicidade das imagens do céu com a terra. Um caminhão jogando muitas pedras para fechar as portas de acesso ao templo. Isso está beirando a loucura total e irresponsável. Gregos e Troianos novamente se enfrentando na terra do jaguar. "Durante uma visita ao rei de Esparta, Menelau, o príncipe troiano Paris se apaixona pela esposa do rei, Helena, e a leva de volta para Troia. O irmão de Menelau, o rei Agamenon, que já havia derrotado todos os exércitos na Grécia, encontra o pretexto que faltava para declarar guerra contra Troia, o único reino que o impede de controlar o Mar Egeu". Eu fiquei na cruz do calvário observando as reações destes príncipes do mal. Uma organização silenciosa que aos poucos foram se estabelecendo dentro dos muros do castelo. Só que a guerra agora era tática, psíquica, sem violência física. A destruição mental dos envolvidos será um destino cruel. Minha reação era extinguir deste comando seus generais que se afastaram da presença cristica. Não estão mais ouvindo a voz da razão. Tanto de um lado como do outro. Fecharam seus corações para a verdade suprema. Este avanço detalhou o futuro que ainda está preso às espadas do passado. Dente por dente, olho por olho. Para um bom samaritano olhar de fora tudo isso será como um cabresto pronto para submissão. A doutrina veio para libertar e não escravizar. Existem as leis que devem serem seguidas, mas como disse a clarividente, não se pode matar a esperança. Ninguém é de ninguém e ninguém pertence a alguém. A dor espiritual é muito grande, pois a cegueira dos obscuros tomou conta. Cegos guiando Cegos. Vítimas de si mesmos. "Olhai quem chegou, luzes do céu sobre a terra emanou, Jesus, altaneiro enviou a este templo seus trabalhadores". Esta guerra doutrinária poderá levar muitos a perder suas reencarnações. Anodai está pronta para receber este povo. Já foram alertados e já são conscientes. Não ficará pedra sobre pedra e nem das cinzas renascerão. Eu voltei amargurado desta missão. Salve Deus! Adjunto Apurê An/Un 01.08.2022

CAMPO DE FORÇA Eu tive que neutralizar um campo de força ativo. Esta corrente se forma no amplexo, uma forma difícil de dividir, porque é um abraço de dúvidas. Eu recebi ontem quando estava no mercado e ao chegar em casa eu falei com minha esposa que peguei esta força esparsa esquisita de impaciência e cheia de senões. Uma coisa é certa, aos nos depararmos com situações inovadoras nós temos medo de dar um passo mais longo. É como deixar as velhas estradas e querer entrar na nova carregando a sua dor existencial. O medo gera dúvidas. As dúvidas geram energia que segregam as almas. Eu fui deitar cedo para poder desfazer este campo vazio. Vejam a diferença entre ter e não ter. Quando se tem nós completamos um quadro fixo existencial na orbe espiritual e quando não se tem nos tornamos vazios sentimentalmente. Eu tive que quebrar este elo de uma encarnação triste. Nós remontamos séculos atrás da nossa história e quando estamos chegando frente ao compromisso voltamos atrás. As heranças não deixam caminhar. A luta é grande para valorizar a vitória. Não deixem de registrar este compromisso com suas conquistas na terra e no céu. Um presente mesmo que seja incompreensível é uma extensão do amor. Ao sair do meu corpo a energia estava corroendo de fora para dentro. Parecia com cupim devorando a madeira. Buracos na aura. A desimpregnação acontece quando o espírito sai pela sua janela temporal. Eu tive que induzir uma corrente positiva na negativa. As duas não convivem juntas, explodem. Efeito para neutralizar uma descarga negativa. É como a indução magnética do templo, desfaz a corrente esparsa. Não é espírito e sim mental. Foi uma noite de intempéries como se uma grande tempestade fechasse o padrão mental. Energia gerada no plexo que subiu pelo transmissor com direção certa. Eu falo isso para acordar as barreiras contra o mal. Nem tudo é espírito e nem tudo é terra. Saber diferenciar os valores é dar mais um passo na frequência das ondas perpetuadas na convivência. Nós somos transmissores e receptores. Quando algo não vai bem irradiamos dúvidas e quando vai bem não agradecemos. Só que são poucos agradecimentos e muitas dúvidas. Será que sou eu. Difícil apaziguar os compromissos da terra. A curvatura mostra o desvio que nem tudo é reto. É igual enfiar uma vara num lago. Você verá que existe diferença na imagem refletida. Assim é no céu onde as imagens refletem em diferentes ondas. Aqui na terra vemos um fato que no céu ele pode estar invertido. Inversão de valores. Eu não sei se estão compreendendo o que escrevo. A vida na terra é diferente da do céu. É como se olhar no espelho, você vê a sua imagem, mas vê tudo ao contrário. Você levanta sua mão direita e vê algo diferente no reflexo. É como se sua mão esquerda levantasse. O perigo de viajar no tempo é perder sua identidade física. Desfiz com magia. O conhecimento da magia nos diferencia dos demais seres. Só uma coisa é impositiva, o carma. Este não tem como negar. Se não aceitar o carma não reencarna. Aqui na terra não tem santo e sim pagadores de promessas. Só teve um encarnado que logo partiu deixando saudades. Vamos ter consciência de nossa existência. Salve Deus! Adjunto Apurê An/Un 01.08.2022 Família feliz...

FREUD NÃO EXPLICA Para mim todo dia é dia de novidades. O melhor lugar para se aprender é o desenvolvimento. Não é porque já iniciou, elevou ou centuriou que ali acaba seu estágio evolutivo. Eu continuo sendo desenvolvido pela espiritualidade. Nas aulas de hoje o templo estava com muitas entidades e cada qual em sua linha. Uma guia missionária estava presente neste domingo. Eu fui investigar a sua origem e qual surpresa, ela é irmã de Tia Neiva. Estava ali no etérico plano ajudando estas aulas. Seta Branca com mãe Yara se revezando na abertura das auras. Chegou um médico que na terra lidava com as mentes humanas e não acreditava no mundo espiritual. Hoje arrependimento de ter desacreditado na força espiritual veio somar com o nosso amanhecer. Eu levei um susto quando ele chegou, não incorporou, só veio registrar sua presença no templo. O mundo dos espíritos é algo dinâmico com vontade própria para ajudar a terra na sua transição mediunica. Eu olhava toda movimentação. Muitas entidades querendo trabalhar ao mesmo tempo. Os aparas tem que focar um objetivo e deixar sua mente dentro da realidade. Por isso que muitos aparas sofrem a descompensação de sua atmosfera inicial e isso atrapalha sua caminhada. Um apara deve ser apara e o doutrinador deve ser doutrinador. Se trocar esta fase inicial o médium se torna passista, passível aos erros. Quem é de incorporação tem que ser de incorporação para não entrar em choque com suas juras. Eu vejo muitos doutrinadores aparas e aparas doutrinadores. Pior quando se bloqueia a mediunidade de apara colocando ele pra doutrinar. Ele não consegue fazer a elevação do espírito. Ele vai sofrer muito com a mistificação de sua mediunidade. Tem que ser aquilo que foi descrito. Não se deve brincar com as mediunidades. É uma faca de dois gumes que tanto pode ferir alguém como pode se ferir também. A grande revelação está começando a fluir como se fosse um filho prestes a nascer. Algo que meche muito com minha individualidade. O sol simétrico brilhou na lua de prata. Eis o movimento contínuo da evolução. Estamos nos aperfeiçoando nesta longa e curta estrada da vida iniciática. Corra que dá tempo. FREUD agora explica os fenômenos da espiritualidade, da parapsicologia. Salve Deus! Adjunto Apurê An/Un 31.07.2022

TEORIA DO RESPEITO Eu queria que entendessem sobre a tal relatividade da personalidade com a individualidade. Coisa simples como somar dois valores divididos e multiplicados por si mesmo. Ontem Seta Branca fez a comparação da vida com a morte, sim, ele ampliou a visão desta relatividade: "Não temereis a morte". Esta mensagem atingiu a personalidade e a individualidade, dois campos distintos e ausentes da compreensão humana. Eu procuro entender as comunicações para avaliar o grau evolutivo do conjunto social espiritual. Nada se perderá nesta contagem em que o ser humano, por mais estudo que tenha, deixa se perder no campo da psique. Retroagir na avaliação do sentido aguçado fechando seus olhos e ouvidos para a verdade é o mesmo que morrer desidratado das palavras de sabedoria. Um povo livre sempre será feliz. Nós do amanhecer fomos preparados a 2500 anos atrás para nesta transição milenar, 2000, serem porta voz da nova era. Não podemos nos bitolar ante aos conselhos dos sábios que desemperram as trancas da vida eterna. Muito difícil conviver com o mundo da luz com nosso sol interior apagado. A luz ilumina a escuridão que domina. Ser cego na terra é um efeito carmico, mas ser cego espiritual é uma dor profunda com consequências desastrosas para as famílias espirituais. Involução, sim, comentam do amado que preferiu o lado contrário da moeda. Duas faces, dois destinos. Eu observei muito Seta Branca ontem. Do radar ele no atendimento sua voz ecoava nos espíritos. Todos baixaram suas cabeças em sinal de respeito. Eu tive a maior aula comparativa em que naquele momento o verbo foi aberto. Quem tudo quer nada terá. A simplicidade de um espírito tão destinto em sua pregação nos faz crer que estamos a beira de um precipício inócuo da verdade. Campo neutro, sem vida, sem esperança. Quando uma pessoa na terra perde sua sensibilidade ela se deixa contaminar pelas inverdades. Como ele disse: "somente dos céus ouvires". Os humanos não são justos em seus ideais, pois podem estarem contaminados pela mosca preta. Pregam o que acham certo, mas nem eles tem certeza do certo ou errado. Nosso mundo evolutivo está caindo na descrença dos Santos e Anjos Espíritos. Ao invés de evolução, involução. Porque fechar nossos olhos para a verdade e ouvir os lamentos dos escravos das insurreições perdidos nas cavernas. Os taberneiros incentivam a separação do povo de Deus. Quando um perde sua identidade ele se transforma no vilipendiador do sistema positivo impregnando o negativo. A bomba foi montada dentro do padrão mental e aos poucos vai ganhando formas abstratas. Inconsequente com a verdade se torna propulsor das inverdades. O mundo mesmo se contradiz. Não se pode alienar sem conhecer a nós mesmos. Um filho de Seta Branca tem um lado que jamais deixará se perder. No campo das batalhas você vive ou morre, não tem meio termo. A nossa batalha é pela vida. Eu vivo ensinando quem quer ouvir e os que se fecham não ouvem e nem escutam, são donos da sua verdade. Respeito pelas nossas individualidades. Podemos morrer em dois mundos. Salve Deus! Adjunto Apurê An/Un 31.07.2022

EU VIM AJUDAR Eu estava conversando com um jaguar aqui na área de casa quando um homem foi chegando, um espírito. _ Salve Deus jaguar! Eu vim ajudar! Eu sei que ainda tenho pouco a oferecer, mas este pouco com amor se multiplica! _ Salve Deus Nestor, é uma grande honra tê-lo com nós! Graças a Deus tivemos grandes libertações neste dia. Se eu contar ninguém vai acreditar, porque não é deste mundo as coisas que acontecem longe dos olhos físicos. Tem algo chamando os jaguares para cá, é um despertador que se prenuncia nesta nova era. Muita coisa vai mudar desde que tenhamos consciência de que podemos mudar. Aquele que não abrir sua mente para a era que entramos vai perder a carruagem. Quando terminar de julgar será tarde demais para alcançar os que se apressaram para acompanhar a evolução. Não discutam filosofia porque nós somos razão incondicional. Tiãozinho quem trouxe o jaguar para este templo, pois aqui nasceu um grande segredo. Este segredo será revelado quando todos aceitarem o retorno de Jesus. Será que todos estarão preparados para reconhecer o emissário! "Bem aventurados os que têm sede e fome de justiça". Os trabalhos foram realizados e o frio foi chegando. No encerramento as bênçãos desceram por mais um dia de caridade. Salve Deus! Adjunto Apurê An/Un 30.07.2022

CEGUEIRA ESPIRITUAL Não adianta tirar a viseira de um cego porque ele vai continuar sendo cego. Adjunto Apurê An/Un 30.07.2022 EVOLUÇÃO Quanto mais humilde maior é a evolução. JESUS. Adjunto Apurê An/Un 30.07.2022

A GRANDE VIAGEM Esperança de um dia retornar. Esta viagem marcou um episódio muito esclarecedor. A volta de centenas de milhares de espíritos para suas origens. Uma grande nave partiu e dentro dela lotado de esperança para o reencontro final. Muitas bagagens com suas riquíssimas histórias vividas. Por onde olhasse a multidão sentada vibrando alegria. A partida silenciosa e a chegada ruidosa. Ao desembarcar eu não podia sair da nave, porque não era minha hora. Todos lá fora acenavam como me chamando, mas minha bagagem não estava ali dentro. Sem bagagem não tem como descer. Eu procurei muito e não encontrei. O silêncio caiu pela janela do tempo. Todos foram encaminhados para direções opostas. Ficamos, eu e a tripulação. Quando chegar a hora de seguir o destino tudo se resolve para simplificar a passagem de um mundo à outro. Não podemos forçar os desencontros para não sair do caminho da verdade. Há! Como foi estimulador sair pelas missões e reconhecer a grande conquista dos sete planos. Da rodoviária universal com destino à mundos distantes num piscar de olhos. Dali da grande cruzada para outros sonhos a se realizarem. Bem que eu procurei minha bagagem para descer. Era uma chance em mil tentativas, mas não tem como dar um jeitinho. Não se pode enganar o que aceitamos cumprir. Da janela eu via a movimentação lá fora. Bateu uma saudade de casa. É como você aqui na terra viajasse e sentisse saudade da família. Algo te puxa para trás. Eu fui convidado a conhecer, mas sem se envolver. Não sou frio a ponto de não sentir as emoções. Não tem como separar como se fosse algo sem importância. São vidas além das vidas. Eu também amo e sou amado. Voltei suspirando. Há! Sabe quando o ar da alegria te enche os pulmões. Estou aqui escrevendo e Tiãozinho veio ver como eu estou. _ Tudo bem meu irmão! _ Tudo! Sentindo ainda esta emoção! Ele sorriu. Não demorou muito, só veio ver como eu estava. Ele entrou na roupagem de Tiãozinho segurando seu chapéu nas mãos. Lá como Stuart sua roupagem é bem diferente. Um grande comandante astral. O que mais me chamou atenção foi que eu não podia sair da nave sem bagagem. A minha ficou na terra. Ela só pode ir quando a missão terminar. Aquilo tudo é espantoso. Não há respostas para tudo que queremos. Daqui da nossa base nos lançamos para o universo. Meu irmão sempre alertando que ainda não é hora, porque novos mundos nos esperam. Gratidão por ter a confiança destes mundos encantados. Sou somente um simples trabalhador da minha hora que faço do meu tempo a minha missão. Como é bom viajar. Se viajar pela terra já é bom, imaginem pelo espaço. Não se tornem vaidosos com o parco conhecimento se fazendo de melhor. A vida sorri quando somos simples. Amar e ser amado. Eu não tenho merecimento de dizer que eu sou isso ou aquilo, humilhando meu próximo. Se eu vomitar caviar eu deixo de ser convidado para o grande banquete. Aqui na terra não tem um melhor que o outro. Tem os mais esclarecidos que muitas vezes nada tem materialmente. A inteligência não está na riqueza para ser perseguida como meta. Muitos espíritos estão vivendo seus últimos momentos e o que irão levar nas suas bagagens. Somente o que fizeram de bom e de ruim. A única coisa certa é a evolução ou involução. Nem seu sapato para suavisar a sua estrada. Tiãozinho vai ficar por aqui hoje. Sua chalana está estacionada no portal. Ele sempre será bem vindo. É hora do jaguar. Vou encerrar esta história para começar outra. Salve Deus! Adjunto Apurê An/Un 30.07.2022

HUMILDADE Templo cheio e poucos mediuns para ajudar. Uma pequena multidão chegou no templo espiritual. Gente que eu não conhecia e alguns já conhecidos. Eu estava só com alguns mediuns para atender todo aquele povo. Parecia ser difícil dar conta e naquele momento Seta Branca em São Francisco chegou. Sua túnica brilhava tanto que ficou branca. Ele chegou em uma boa hora e com ele aqueles frades que o acompanhavam com Clara de Assis. Os pacientes impacientes, como sempre, querendo serem atendidos primeiro. Foram muitos trabalhos realizados, mas o que mais impressionou foi a energia curadora que se formou. Todos sabem que o trabalho no templo espiritual é diferente do templo na terra. Lá não existem incorporações e sim propagadores de energia. São mediuns que se tornam um farol de luz. Vejam. Minha ninfa estava comigo na cura balizando com sua mediunidade as forças curadoras. Ela simplesmente projetava do seu plexo as energias em forma de luz. Só que era tanta movimentação magnética que ela recebeu que seu espírito chegou a adormecer. Eu vi a hora que ela sentou no aleda com ajuda dos franciscanos para recompor seu espírito. Não estamos só, estamos com falta de fé em nós mesmos. Acreditar que um missionário em sintonia vale por mil. Eu não posso afirmar quantos espíritos encarnados e desencarnados passaram nesta noite aqui. Não havia mais como entrar e uma enorme fila se formou na entrada. Ali foi somente cura, não havia necessidade de desobsessão, pois estavam livres da couraça. Eu olhava para francisco um jovem franzino como um rapaz novo. Sua barba rala lhe dava ar de respeito, mas tudo nele brilhava, até sua pele era luz branca. Clara com seu hábito preto brilhante branco ajudava aquele povo. Tudo foi bacana, foi maravilhoso este trabalho. Eu digo uma cor inexistente na terra, porque é como o arco íris que o branco solar se transforma em cores e após se fundirem pelo movimento centrífugo se tornam branco novamente. Funciona como um filtro solar. Na crosta da terra temos filtros que não deixam as radiação solar chegar diretamente nos seres encarnados. Assim também pelo que vi há filtros para não deixar as energias queimarem os espíritos. É muita coisa para se aprender. Na terra os missionários se acomodaram na ciência e não procuram despertar o interesse pelo conhecimento. A terra transita pelas perturbações da sua estrutura e o céu atua como uma nebulosa corrigindo os desvios. Como Deus é perfeito e sempre está atualizando seus filhos para a nova era. No passe magnético que todos tomaram era algo mágico. Ao captar as energias do etérico plano elas se condensavam no arco peitoral. Por isso o passe tem que buscar o céu na terra. Se você rompe o neutrôm não pode formar o arco da terra e sim do céu para a terra. A elegância do passe magnético é quando se conhece o sistema por dentro. Foi a noite mais trabalhosa que tivemos aqui. Aqui os encarnados não vêm por motivos carmicos sociais, mas seus espíritos chegam com muita sede de conhecimento. A fonte de Seta Branca brilha como se fosse prata líquida. Ao passar as mãos na água aquela energia depositada ali gruda e quando passada no corpo e no espírito é outra coisa sem explicação. Eu tento explicar como eu vejo, mas é muito mais, é algo divino. Aquele povo recebeu o que vieram buscar. Vejam a simplicidade de um caminho. Não precisa tanta coisa para ser feliz. Basta se aceitar sem se enfeitar. Nós fomos conquistados pelas medalhas, sim, porque para um soldado uma medalha é tudo que ele precisa. Não existe um exército sem hierarquia. Tia Neiva foi muito sabia em criar um comando maior dentro do menor. Como ela mesma disse: "Eu recebo tudo bruto e com minhas mãos vou moldando, dando forma". Esta foi a única forma de juntar os soldados espalhados para se agruparem e se tornaram parte do exército de Seta Branca. Este exército não é só terra, mas no céu também. Trabalhos encerrados. O sol ainda não havia despertado e a terra ainda estava mergulhada na escuridão. Francisco com Clara agradeceram pela caridade e aquele povo celestial subiu. Eles estão acima desta faixa etérica. São espíritos de luz, da luz universal. Salve Deus! Adjunto Apurê An/Un 29.07.2022

GUERRA INTERPLANETÁRIA O céu brilhou em cores amargas e como chuva ácida derramou veneno sobre os hermafroditas. Eram vários planetas no mesmo cinturão e entre eles sempre houve guerras. Sempre um querendo ser mais forte e querendo dominar outra civilização. Não havia mais condições de habitarem o mesmo mundo. Teriam que ser afastados não pela distância e sim pela vida. A organização estelar fez a divisão dando a cada planeta um ciclo de existência. Criaram um buraco na dimensão e mudaram a frequência de cada povo. Foi como se um grande portal interdimensional engolisse cada estrela. Não que deixasse de estar ali, mas todos foram desintegrados e reintegrados novamente. Mudou a faixa para não se matarem. Eu fui atrás para rever esta condição e ao chegar no planeta habitado pelos hermafroditas eu vi a situação desesperadora deles. Ao chegar o céu começou a vermelhar com grandes estrondos e brilhos assustadores. De repente uma correria daqueles seres. Sons tomaram conta do espaço. Todos procuravam proteção e uma chuva ácida venenosa desceu do céu. Eu vi os rostos derretendo e o ar faltando. Eu estava num abrigo militar e quem estava dentro estava salvo. Não sei de onde veio os incessantes ataques. Aquele planeta sempre foi alvo por ter um povo pacífico e diferente. Eu vi uma criança abandonada em meio às indiferenças. Seus pais haviam morrido neste ataque sem aviso. Ela foi recuperada por outros cidadãos que passavam. Todos daquele planeta eram hermafroditas. Eu comecei a estudar do porque de tanta guerras. Os seres sempre foram destruidores e não se importavam com os vizinhos. Não havia paz neste cinturão de Orion. As três Marias ainda brilham no céu como exemplo para todos que querem matar ou morrer. "O Cinturão ou a Cintura de Orion, popularmente conhecido como Três Marias ou Três Reis, é um asterismo de três estrelas que formam o cinturão da constelação de Orion, o caçador. As estrelas, facilmente identificáveis no céu pelo brilho e por estarem alinhadas, são conhecidas como Mintaka, Alnilam e Alnitak". O sofrimento de um povo sendo aniquilados por serem diferentes. Eu vejo aqui na terra nesta última guerra a dor de uma nação sendo humilhada por outro poder destruidor. Quem é quem. Será que a destruída não foi quem destruiu. Uma coisa é certa, não há mais espaço para guerras e destruição. Temos que conviver pacificamente e respeitar os povos. Sim, aqui na terra os reencontros são para alimentar a paz, um cruzamento de DNA e multiplicação dos habitantes. Os três Reis que foram separados agora convivem sob a mesma atmosfera. Se um deles destruir será destruído também. Se contaminar o oxigênio terá que respirar veneno. Eu não sei até que ponto pode chegar a tirania de um dirigente. Se ele realmente pensa no seu povo ou simplesmente no seu orgulho ferido. É muito difícil falar aqui em bondade humana, porque cada pessoa tem um propósito de articulação. Agora o que mais me preocupa é o envolvimento político das pessoas que cegamente se deixam contaminar. Não podemos ter um lado específico e sempre se alinhar com Deus. Senão aqui vai ser como em Orion. Ficaram as estrelas no espaço como exemplo para nós seres humanos normais até certo ponto. Pensem que muitos já atravessaram as pesadas camadas atmosféricas para assentar nesta terra. Não podemos querer a guerra como diferença entre nações. Eu até certo momento tive medo. Foi como se vivesse mil anos em algumas horas. Eu senti, eu vi, eu voltei no tempo através da janela espiritual, a janela interdimensional. Como eu gostaria que estes líderes tivessem a oportunidade de viajar pelo espaço do seu tempo. Ir lá trás e rever sua condição espiritual. Talvez vendo tivessem noção do que estão fazendo nesta terra. “Bem-aventurados os que choram, pois eles serão consolados.” Jesus o grande pacificador. Sempre pronto a agir em meio às tempestades anormais. Que a terra não seja dividida pela dor e seja unida pelo amor. Irmãos de toda terra, amai-vos uns aos outros. Voltei. A grande nave estacionou ali no portal em cima da grande serra onde a imagem do Cristo marca o local. Daqui até lá são 10 km por estrada, BR 277. O engenheiro universal sempre pronto para mostrar a verdade. Outra coisa importante, houve um atraso no relógio espiritual. Por milésimos de segundos a terra retardou na sua órbita. Os padrões estão se alterando e alternando. Ainda não sei o que pode acontecer com esta mudança. Salve Deus! Adjunto Apurê An/Un 28.07.2022

Caraca.. compramos esta sopa só que são 745 MG de Sódio. Para quem tem pressão alta é um perigo de infarto. Maggi

108 MANTRAS Foi preciso mostrar a verdade para quem não quer enxergar. Eu fiz por amor a minha mãe koatay. Este trabalho foi feito na estrela candente da Grande Seara de nosso maior compromisso, templo mãe. Não foi permitido muitos participarem, pois era uma revelação aos escolhidos que ocuparam posições ao lado da sacerdotisa do amanhecer. Eram duas ninfas que precisavam conhecer e uma terceira de fora para balizar as duas no ponto de vista. Todas de indumentárias que não permitia sofrer um arrastão em suas individualidades. Os demais mestres ficaram fora deste circulo esotérico, mas em sintonia. Eu fiquei sentado em um projetor e dali abri o neutrôm, o grande portal. Raios elétricos foram quebrando aquela nuvem escura. A cada relâmpago deixava um raio entrar e fazer a reparação. Para cada mantra dos 108 colocaram um invólucro. Era como uma cápsula que fechou os poderes do Simiromba de Deus que trabalha de cima para baixo. Ao abrir esta rede magnética os mantras que estavam sufocados começaram a raiar na vibração. Tudo aquilo que estava preso na dimensão começou um trabalho de dentro pra fora. Foi espantoso o que conseguiram fazer com cada conta deste cristal. Eu somente puxei as forças novamente e deixei as três balizas nivelarem este compromisso. A grande nave agora emergiu do pântano para brilhar no firmamento. Naqueles bancos de preparação que foram descontaminados agora já recebem o manto divino. Eu joguei uma pedrinha no grande lago e deixei as ondas chegarem às margens. Os espectros foram sendo sugados um por um. Ritual feito, era hora de cada uma das duas ninfas abrirem o verbo. Uma Samaritana e outra irmã Muruaicy desta congregação que deram o passo inicial junto ao destino traçado e marcado a ferro quente. Esta marca jamais deverá ser apagada de nossas lembranças. Eu deixei a vontade onde cada uma expôs aquilo que compreendeu. Uma viu coisas de outro mundo e a outra viu outros quadros espirituais. Eu prestava atenção na argumentação, pois pela primeira vez passaram por um trabalho desintegrador. A concentração foi fechada para não haver propagação do que faríamos nesta madrugada. Mas os convidados estavam sustentando esta reunião com a vibração do interesse. Sabe quando vocês estão assistindo um comando seus pensamentos estão empenhados a seguir o roteiro de uma jornada. Ali sai uma vibração silenciosa que se fixa no comandante do dia dando a ele forças para não falhar. Os mantras de Koatay 108 não se misturam com os demais mantras, eles são de outra origem. Foi por isso que estavam sendo engabelados para não despertar as reações contrárias. Nunca iriam descobrir o segredo da magia negra. Por mais que estejamos na magia branca nós podemos falhar pelo orgulho de querer provar quem somos. Nós não precisamos provar que portamos as raízes do amanhecer. Precisamos com humildade reaver os valores esquecidos na cruz do caminho. Terceiro sétimo dos cavaleiros da luz. Assim a Samaritana percebeu o verdadeiro processo de reposição da água na anfora dentro do Oráculo. A Muruaicy abriu os portões dos segredos de Pitya. Assim elas foram falando tudo que aconteceu fora dos limites desta terra. Entramos no mundo astral para reavaliar e dentro deste nevoeiro cinza escuro emitimos nosso juramento, a nossa prece íntima: “O Senhor tem o seu templo em meu íntimo! Nenhum poder é demasiado ao poder dinâmico do meu espírito. O amor e a chama branca da vida residem em mim!". Espantoso como se quebra uma vibração. Primeiro faz aquela corrente gelar para depois esquentar. É como um vidro que está congelado e depois recebe algo quente explodindo em pedacinhos. A Muraicy falou do anverso no reverso. Detalhes da condição para se chegar no Aton. Dois mundos estacionados no mesmo caminho, só que opostos. O grande selo ainda está intacto, mas prestes a se partir. A terra recebeu-a de volta e estamos formando sua entrada decisória no capítulo deste acervo. Eu fechei o portal. O que foi feito foi feito. Agora esperar a reação dos encarnados presos às suas ideologias. Eu só espero um pouco de luz na consciência morta que aos poucos ela volte a brilhar. Para um bom entendedor meia fagulha pode acordar a fera que dorme em berços esplêndidos. A antimatéria pode consumir este planeta como se fosse um buraco negro. Não brinquem com o desconhecido mundo espiritual. Eu olhava em volta e a multidão ansiosa e curiosa queriam respostas. Minha indumentária era branca, um revestimento dos Santos e Anjos Espíritos. São Miguel estava no comando regulando este poder que Koatay 108 firmou neste complexo doutrinário. Eu voltei, a estrela voltou a cair no plano físico. O ostracismo de alguns agora será o desterro de poucos. Cuidado jaguar. O dia pode virar noite e sem a chave do portal não passarão para o quinto ciclo. Salve Deus! Adjunto Apurê An/Un 27.07.2022

SACRIFÍCIO O pior sacrifício de um povo é sair de suas origens e se perpetuar a viver de favores de outras tribos. Fui em missão e chegando lá eu ouvia uns gritos abafados. Uma mulher parecia estar sendo agredida e isso me chamou atenção para tentar saber qual motivo. Cheguei, era como um predinho de dois andares muito mal conservado. Na entrada tudo fechado que impedia os de fora entrar, mas mesmo assim consegui passar e ao subir naquele lugar insalubre com piso de barro, ambiente lusco-fusco, uma família, eles estavam jogados ali. Ao me verem foram sentando no chão e pelos cantos. Eles não me olhavam, estavam com muito medo. Andei por todas as dependências e em cada uma muita gente enrolados em panos velhos. Assustados, eles não sabiam o que eu estava fazendo ali e nem eu sabia também o motivo de estar presenciando. Os gritos pararam. Eu perguntei se alguém estava precisando de assistência, mas o silêncio imperava. Procurei sair dali para não interferir na integridade deles, porque mesmo sendo um povo a espera de alguma solução eles não pediram nada. Ao sair eu Cheguei em um casebre bem rústico e simples. De madeira, muita movimentação, mas ali foi diferente. Era algo que vai abrir as portas para a chegada de uma origem. Somente Deus pode nos conformar com nossas missões. Esta oportunidade que estou dando é algo que vai começar a construir uma morada. Como disse Jesus: "Assim na terra como no céu". A última remanesce de uma tribo terá seu abrigo aqui neste plano físico e com esta atitude terá um abrigo espiritual. Nós não somos criados sem raízes e é preciso criar nossas ramas para abrigar os nossos amores. A grande luta do jaguar que foi retirado do seu mundo para desbravar novos mundos. Eu digo que é ter muita coragem para deixar tudo para trás e buscar novos desafios. Somos aventureiros e por isso sempre estamos mudando em busca de novas missões. Já viemos imbuídos com este dom de não desistir diante das dificuldades e sempre dar um jeitinho de olhar pela janela. Quando a porta se abre lá estamos nós com nossas trouxas nas costas é já perseguindo novos ideais. Agora aconteceu algo nesta casinha que vai mudar conceitos da vida na terra e no céu. Ainda é cedo para divulgar e somente o tempo nos provará. Agora aquele povo que estão escondidos deverão sair dali e seguir seus caminhos. Ali não é um lugar bom. Abram seus corações para receber o eldorado mundo dinâmico. Para uma família espiritual se reunir é preciso ter um endereço na terra. É como vocês pedirem ajuda para alguém onde colocam os nomes e o endereço da terra. Salve Deus! Adjunto Apurê An/Un 26.07.2022

Seja bem-vindo ao vale dos deuses!
Adjunto Apurê

Adjunto Apurê

Respondo logo!

I will be back soon

Adjunto Apurê
Olá, 👋
Quem tecla é o Adjunto Apurê, Mestre Betezek!