INSTABILIDADE – Parte dois

O dia vai sendo contato em versos e prozas e assim caminha o jaguar dentro dos seus limites.
Quando eu contei esta passagem o espirito chegou com tanta ira que atingiu meu físico fazendo derramar sangue pelo nariz. Foi tanto que encharcou uma toalha e eu tive certeza que estou no caminho certo.
Amar a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a nós mesmos. Muitas vezes as pessoas não sentem amor próprio e por isso Deus não existe em seus vocabulários. Mas quando chegam as provações da carne aí Deus começa a fluir no pensamento.
Vejam bem. Passei a manhã estancando meu nariz e após esta passagem do abata fomos para o templo para um trabalho de contagem. Eu olhava em volta, cadê, cadê as forças. Não via nada além de um silencio murmurante. Trocamos as indumentárias pelo jaguar e fomos para um desobsessivo. O espirito após muito trabalho desceu e com ameaças dizendo que ia me matar. Foi ali que eu vi o meu irmão menos esclarecido que tentou me afogar com meu próprio sangue.
Difícil compreender quem não atende os chamados da espiritualidade. As dores são provações da carne e se elas não forem manipuladas causam um estrago maior que o esperado. Conforme os pretos velhos em conjunto com os caboclos manipulavam esta libertação o espirito urrava de ódio. Eu fiquei observando sua revolta e ameaças, mas o céu é nossa testemunha que estamos fazendo o bem sem ver a quem.
O nosso sol interior é uma força diferente, ele reage as inconformidades do destino cármico. Ele começa a girar e gerar tornando nossa aura em um campo de força magnética que repele as impregnações. Se ele estiver equilibrado nada atingirá. O espirito me atingiu no meu físico por eu estar sentindo sua radiação. Como ele estava muito próximo não deu tempo de manter vigilância. Médium de efeito é muito perigoso, porque nada ou tudo pode acontecer. Basta relaxar na sua guarda que as coisas explodem ao seu redor.
Assim foi realizado nosso trabalho desobsessivo. Os mentores formaram nosso congá de luz e amor e os caboclos trouxeram energia para esta recuperação. Tudo transcorreu muito bem.
Salve Deus!
Adjunto Apurê
An-Selmo Rá
17.06.2020

× Contato!
Pular para a barra de ferramentas