DIA DE BENÇÃO

Seta Branca ainda está aqui na terra.
Ontem, desde ontem ele permaneceu ligado ao nosso plano terrestre trazendo os eflúvios da cura espiritual para nossa tribo de jaguar. Ele ainda está aqui neste domingo abençoando os passos dos seus filhos.
Eu recebi muitas instruções nesta noite que passou. Como um pouco de sua história como Francisco, um jovem que decidiu ir para a guerra e no meio do caminho ouviu a voz de Deus em seu coração fazendo-o retornar a sua cidade. Um grande missionário que já se preparava para sua obra de humildade lutando contra o imperialismo da igreja. Coragem. Sim, foi um jovem corajoso que assumiu as chagas de Cristo pela sua devoção.
A partir deste enredo como franciscano recebeu as honrarias de sua fé. Lutou contra a tirania levando a mensagem de paz e amor. Construiu sua igrejinha com sacrifício contando apenas com ajuda de seus irmãos e acolheu aos pobres com simplicidade. Tudo ali era dividido sem pretensão alguma de enriquecimento.
Francisco veio cumprir seu roteiro agora como Seta Branca. Um guerreiro da paz que trouxe o sistema cristico para ampliar a cultura dos encarnados com respeito aos reencontros. Reencontros dos velhos amigos e ou inimigos. Como Jesus que pregou a ordem cristica mundial levando este mundo à reflexão da verdade. Seta Branca recebeu estas ordens para abrir os corações e mentes na eterna busca dos homens e mulheres pelas suas origens.
Coragem é o que está faltando neste momento de aflição. Olhar somente para o céu e ficar pedindo não resultará nada sem o esforço da conquista pela espada. Vocês têm suas espadas, lutem, pois sem trabalho não haverá libertação.
“O trabalho incessante vos libertará das dores”.
Assim ele nos ensinou na luta sagrada pelo pão de cada dia. Não chorem, levantem suas cabeças, após esta passagem de medo o sol continuará brilhando. O jaguar é destemido e valente.
Eu ouvia suas palavras se impregnando no meu espírito. A sabedoria dos encantos de uma transformação milenar para a nova era, onde o próprio homem está criando a sua destruição. A maldade do interesse no poder mundial escravizando as raças ao seu alcance.
A podridão de um domínio sob a égide do sangue.
Mas Deus não voltará atrás nos seus planos civilizatórios. Haverá mudanças climáticas que atingirão estes lugares como forma de mudar o destino dos dominadores. A paz voltará a reinar e todos entrarão pela nova era: limpos de suas máculas.
Vamos à luta jaguares, mas com seus uniformes. Foi assim que a clarividente pediu para todos e Seta Branca confirmou.
Salve Deus!
Adjunto Apurê
An-Selmo Rá
07.06.2020

× Contato!
Pular para a barra de ferramentas