AUTORIZAÇÃO ESPIRITUAL

AUTORIZAÇÃO ESPIRITUAL
Vou contar esta passagem que resultou na abertura de um templo em São Paulo.
Os mestres, casal, da cidade de pariquera-açu vinham todos os domingos trazendo os novos médiuns para desenvolver. Era muita dificuldade, pois eram 220 km de distância até Curitiba. Foi assim por um ano até formado um grupo de médiuns a entidade incorporou na minha ninfa e chamou a Viviane autorizando eles abrirem uma casa transitória em sua cidade. Dali para frente eles ergueram este templo que era em um galinheiro, depois ergueram o templo definitivo.
Assim, meus mestres, assim que se recebe a autorização para abertura de tudo.
Eu acompanhei a luta deste povo em enfrentar as dificuldades. Tenho muita história que mantenho em meu acervo.
Não assumam responsabilidade sem ter respaldo espiritual dos mentores. Muitas vezes o mestre não tem herança transcendental para assumir este compromisso e vai ficar sendo cobrado.
Quando tia estava viva, ela, quando um doutrinador queria abrir um templo via pela clarividência se ele tinha herança para isso. Aconteceu com muitos presidentes e comigo não foi diferente, eu recebi do pai pelas mãos de tia Neiva a autorização. Então, jaguares, o que custa se informar, saber se está apto a dar um grande passo. Agora eu vejo que abrir templos não é tão importante como abrir estrelas.
Tempo atrás eu queria construir aqui no templo e ai chega o pai Seta Branca, me chama e diz, não é hora meu filho. Outra vez ele chegou, me chamou e disse: agora você já pode mudar o templo. Nosso templo era de madeira, estava com cupins. Pensei, e agora, para onde vamos. Noutro dia ao levantar eu vi o templo construído em outro local, mas aqui no mesmo terreno. Mudamos o templo, sim, depois de mais de 20 anos o pai autorizou a mudança. E não adianta, eu queria mudar, mas nada dava certo. Sem dinheiro, sem coragem. Quando ele autorizou tudo foi rápido. Os mestres que digam a verdade.
A pouco tempo paramos com a construção do piso, sem ter como comprar material e pagar mão de obra. Aí, novamente o pai vem e pede para continuar, simplesmente tudo se ajeitou. Terminamos o piso e vamos nos preparar para outras etapas, mas com ordens.
Não façam nada sem o registro espiritual. Seta Branca não cobra, mas ele é o responsável por tudo.
Eu agradeço por ele estar em nossas vidas.
Salve Deus!
Adjunto Apurê
An-Selmo Rá
23.01.2020

× Contato!
Pular para a barra de ferramentas