OBSESSOR

OBSESSOR
A pior coisa deste mundo é um obsessor vivo. Um casamento destruído, um lar dividido, filhos esquecidos.
Eu subi para aprender e dou graças a Deus por tudo que vejo, porque a vida vai se tornando mais fácil.
Fui acompanhar na terra um caso de um homem vivo que se tornou obsessor de sua mulher. Houve uma separação de corpos, mas não houve separação espiritual. Então a mulher vive atormentada pela vibração do marido que a quer destruir de todo jeito. Ele não vai sossegar enquanto ela não pagar centil por centil por tê-lo largado. Motivos de uma dívida passada que não foi perdoada. Muitos casos de obsessão são de espíritos desencarnados, mas neste caso específico o marido se tornou obsessor. Sua vibração de ódio e vingança é muito grande, ele não da paz de maneira alguma. Se ele desencarnar levando este ódio vai ser ainda pior, por isso a missão espiritual vai amenizando esta cobrança carmica.
Eu só posso conversar, evangelizar, porque a dor não é minha.
Enquanto não houver uma intervenção divina nos corações não haverá paz. Interessante é a nossa missão, muitas vezes você está doutrinando um espírito e nem sabe quem seja ele. Pode ser de sua família, de um amigo, ou desconhecido, mas está ajudando a amenizar o sofrimento.
Missão é missão e é isso que nos torna diferentes da sociedade em comum, é poder trabalhar dentro dos corações, poder moldar, lapidar.
Neste caso especifico somente muito trabalho espiritual vai mudar o destino. Se não trabalhar vai perder o que mais ama, a vida.
Será que as pessoas só acordam pela dor?
Salve Deus!
Adjunto Apurê
An-Selmo Rá
07.01.2020

× Contato!
Pular para a barra de ferramentas