AMIGO DE 1976

AMIGO DE 1976
Revendo os laços que me levaram a conhecer Tia Neiva em 1976 quando aquartelado no BGP em Brasília, cheguei em um caminho um pouco triste, um soldado desencarnado, depois de muitos anos de vida.
Era um pequeno lugar, um cômodo somente pintado de azul, mas todo embolarado de preto. Fomos eu e minha ninfa esposa, porque eu queria mostrar para ela este fato, queria que ela conhecesse este amigo.
Chegamos, ele não havia me reconhecido, então me reapresentei e a minha esposa. Foi um susto para ele, não estava esperando. Ele ficou tão surpreso e sem jeito, pois onde estava não era o que queria ou pretendia para sua evolução. Não tinha nada e o pouco ainda agradecia, pois era onde descansava de sua caminhada.
Ao chegarmos, vejam só, eu abri a grande cortina que separa dois mundos. Estava havendo uma festa, eu não sei dizer se era na terra ou nas mansões espirituais. Eu conheci ele e não a sua família. Mas a festa era para ele. Fiquei pensando, festa, aqui, mas nós nem bem chegamos. A espiritualidade aproveitou para fazer seu papel missionário, ajudar, dar a oportunidade de reencontra–los.
Foi assim, formamos um pólo magnético de onde ele estava como se fosse um corredor até esta festa, uma linda mansão toda iluminada. Foi aí que eu vi a verdade, era uma mansão espiritual, não era nada da terra. O nome dele aqui era wilson, mas na terra poderia ser outro. Nós temos registrado muitas personalidades dentro da nossa individualidade.
Ao formarmos a ligação interplanos fomos arrastando pelo magnético aquele espírito, fomos atravessando os portais.
Ele saiu de um lugar triste e foi recebido com alegria. Mas vejam, houve um momento de distanciamento, ele ainda estava traumatizado e não reconheceu aquela família, mas mesmo assim eles entenderam e o levaram para dentro.
Nos convidaram para entrar, mas não, nossa missão foi de estreitar os laços familiares. Ficamos na frente, estava um pouco escuro, mas lá dentro estava tudo aceso. A festa continuou, foi uma recepção daquelas.
Na terra as pessoas esquecem do seu espírito, esquecem dos compromissos com suas evoluções. Depois, quando partem sem nenhum agasalho é que vão sentir o frio da eternidade. Estes lugares o sol não penetra, é como se tivesse um plástico fosco fazendo barreira. A mansão estava em outro ciclo, acima, dentro do canal vermelho.
Este quartinho desajeitado que ficou para trás poderá servir para outro espírito na mesma situação.
Graças a Deus que ele me concedeu esta bênção de poder ajudar ao próximo, tanto na terra como nos círculos espirituais. Ser missionário é ter certeza que Deus existe em sua plena bondade. Como disse Jesus, não tema a Deus, pois ele é bondoso, ele é pai.
Deus Pai Todo Poderoso!
Deus Pai Todo Poderoso!
Deus Pai Todo Poderoso!
Salve Deus!
Viajamos de volta, a terra ainda estava despertando, estavam saindo os primeiros raios de sol. Como é linda, não há palavras para descrever este mundo material e o mundo das razões. O que muda é a consciência que cada um adquire em sua caminhada.
A religião não salva o homem, o que o salva é ter conhecimento sobre a sua verdade. Saber o que existe além da fronteira da morte.
Fiquei muito feliz de ter feito esta passagem. Diferente de nossa missão na terra, aqui tudo são reações dos planos. Se o portal não abrir não há passagem. Me lembrei uma Vez quando tia me disse.
_ Meu filho, cuide do seu portal!
Eu fiquei pensando, mas não havia me ligado e hoje eu vejo suas palavras perpetuando meu coração.
Assim vamos vivendo os efeitos da transição da velha estrada para a nova. ISSO É A NOVA ERA.
Pensem bem e se sintam felizes de estarem na casa de uma entidade com muitas moradas. Na casa do meu pai existem muitas moradas, disse Jesus. E eu completo, na casa de Seta Branca também existem muitas moradas. Algumas um pouco diferentes, mas todas na mesma linha cristica.
Jaguar, confie na sua luta e saiba compreender seu mundo. Se não acreditar em você de nada valerá a sua fé.
Eu acredito em mim e sei até onde posso ir.
Salve Deus!
Adjunto Apurê
An-Selmo Rá
27.08.2019

Leave a Comment

× Contato!
Pular para a barra de ferramentas