SUANDO FRIO – PARTE DOIS

SUANDO FRIO – PARTE DOIS
O reencontro dos irmãos aconteceu diante dos tronos, o doutrinador estava no comando, quando ela chegou. Ela desencarnada queria levar seu irmão embora, o mestre passou mal, foi preciso entregar o comando para outro doutrinador e levaram ele para o castelo do silêncio. Sal e água do pai reagiram afastando a desencarnada.
Jaguares, está faltando sintonia em suas missões, lidar com o mundo requer paciência.
Eu estava trabalhando nos tronos e vendo aquela passagem fiquei preocupado. Havia questão da vulnerabilidade do jaguar pela sua idade avançada. Vejam que existem forças se expandindo, forças que devem ser controladas pelo conhecimento.
A irmã não conseguiu o que queria, pois ao se encostar no doutrinador querendo criar um quadro negativo, infarto, não previu a presença dos mentores cuidando.
O sal reagiu no sistema vascular e a água criou um escudo em sua aura.
O que eu vi é uma abertura no quadro da psique humana fazendo a conjunção dos planos ficando mais próximo.
Devemos estar preparados para os adventos que vão ser mais frequentes. Os mortos querendo buscar os vivos.
Preocupante. Sim, muito preocupante é estar sob a força de um caminho que começa atuar no físico material.
Quando o jaguar usou do sal e da água em poucos minutos ele melhorou. Afastou a mulher que sendo sua irmã na terra está agora desencarnada.
A hora de brincar acabou, agora é a hora do mestre mostrar para que veio.
Salve Deus!
Adjunto Apurê
An-Selmo Rá
22.07.2019

Leave a Comment

× Contato!
Pular para a barra de ferramentas