CAVALO DE TRÓIA…

Salve Deus!

 

Todos já conhecem esta história do cavalo de tróia, mas desconhecem este termo no mundo espiritual.

 

Esta noite foi uma inusitada preparação para demonstrar os fatos que muitos desconhecem, o envolvimento de espíritos dentro de sua cercania, dentro dos laços de sua família, uma enorme traição.

 

Na guerra dizem que vale tudo, mas no amor as pessoas se perdem pela contradição dos seus corações. Houve neste plano invisível uma coisa muito triste, os inimigos estavam de tocaia esperando uma oportunidade de avançar e destruir tudo, mas havia uma barreira que os impedia de entrar. Esta barreira era o amor, a pureza de detalhes, coisa que se desenvolve com princípios altaneiros. Os inimigos não conseguiam derrubar esta muralha, eles vinham batiam, escalavam, mas não entravam, aquilo era tão forte que eles se afastavam.

 

O tempo foi passando e eles foram se acostumando com aquele cerco, mas os inimigos não baixaram suas lanças, eles se mostravam aceitar que a guerra foi perdida. Tudo era um truque para que a barreira fosse derrubada. Estudando cada coração eles foram achando os mais fracos, os mais necessitados, os que pediam muito, que queriam transformar suas vidas. Ali, ali foi o começo do tal cavalo de troia. Era justamente a porta de entrada para derrubar o amor, pois o ódio estava contaminando pela grande vibração o amor.

 

Quando alguns foram pegos desprovidos da verdade ouve a impregnação e eles levaram para dentro o intruso, a chama negra da discórdia. Pronto, estava feito, a disseminação se espalhou tão depressa não dando tempo de reagir, todos os corações foram emanados pelo ódio.

 

Assim, também, é com a nossa missão. Não se deve acolher alguém em nosso seio pelos seus belos olhos, porque  ninguém sabe o que se esconde por trás daquela cortina. O cavalo de tróia é justamente as traições que ficaram marcadas nos planos espirituais. A guerra não foi vencida com esta atitude, mas a marca do sangue derramado no chão configurou e sacramentou a mais distorcida história de reinados perdidos.

 

Os vitoriosos seres de uma inverdade infernal. Quando você tem em seu meio um vírus, sim, digo vírus porque ele se instala no seu corpo e vai aos poucos lhe enfraquecendo a tal ponto de lhe despertar para sua enfermidade. Vai ter que fazer tratamento para barrar a infecção, mas o remédio é temporário, o vírus está instalado. Ele adormece por um tempo e volta quando você está combalido pelas suas fraquezas.

 

Aqui, em nossa missão, houve o tal cavalo de tróia. Só que este cavalo de tróia vai voltar contra os próprios inimigos do vale. Abriu uma brecha para que reagissimos e dentro da programação espiritual a verdade abriu a luz da consciência de quem fez esta barbárie. Os espíritos foram trazidos para uma conversa e pesando nos destruir podem ser destruídos. Nossa missão não é destruir ninguém, pelo contrário, é mostrar a verdade seja ela fria, dura e crua. Como disse Jesus: Somente a verdade vos libertará. Nós não destruímos ninguém, porém, eles mesmos se destroem pela incapacidade de conhecer os limites de suas projeções mentais.

 

Somos pacíficos e obreiros de Nosso Senhor Jesus Cristo. Aquele que luta contra nós, luta contra o sistema Crístico, luta contra o Mestre Jesus.

 

Choram lágrimas de crocodilos e sem fé alguma pensam estar salvos.

 

Salve Deus!

Adjunto Apurê

An-Selmo Rá

05.09.2018

, ,

Deixe uma resposta