GRANDES CONQUISTAS..

Astral Superior.

Salve Deus!

 

As grande revelações, as formas de contato, as iniciações, a condução de uma força dentro de um poder, tudo isso está relacionado ao nosso padrão de consciência.

 

Como desta noite onde muitos foram submetidos a uma grande iniciação, não na terra, mas no céu. Geralmente as iniciações são feitas da terra para o céu, mas esta não, esta foi do céu para a terra. Os jaguares estavam todos de branco, um silêncio no grande salão iniciático da legião, porque ali havia proteção e segurança para nada interferir na preparação dos espíritos que vão assumir suas novas missões.

 

A força estava no espírito que deveria ser transportada para o plexo físico de uma maneira direta, espiritualmente, sem mão humanas se ligando aos seus cálices. Muitos jaguares que pude destacar estavam no grande círculo e ajoelhando-se aceitavam seus juramentos com muito amor. Destaquei alguns que por medo da vaidade tomar conta não vou dizer nomes, mas somente agradecer as suas caminhadas em nome de Jesus.

 

Neste círculo, quando o médium ajoelhava-se no aledá branco, eu cobria sua cabeça com um pano branco e ele ficava todo o tempo de sua permanência com esta roupagem. Era um compromisso que em toda sua vida deveria se ajoelhar diante de suas testemunhas, seus mentores, e sem manchar seu coração com os vícios da terra se afastar da sublimação humana. O encarnado estava abrindo seu mundo astral para se tornar caminheiro das ordens divinas.

 

Foram horas e horas até que chegasse o último a ser preparado. Enquanto isso os demais permaneciam em silêncio absoluto. A presença de grandes seres abstratos, imagens se formavam em torno dos juramentos e os seguiam até que respondessem mentalmente em suas preces.

 

Quando o último aceitou sua redenção às forças então se cruzaram formando um dorcéu de energias que desceu até os leitos dos adormecidos. Pronto, estava tudo feito, perfeitamente distante da crosta terrena. Desceram um a um como se estivessem entorpecidos pela energias que receberam em seus espíritos. Pareciam estar em transe mediúnico.

 

Chegando aqui na terra muitos ainda estavam acordados e queriam agradecer esta oportunidade. Foi na grande escada universal que eles sentaram para esperar os demais. Muitos espíritos viram esta luz e queriam saber o que estava havendo, mas o silêncio mental era justamente o segredo desta iniciação. Quando eu desci teve um jaguar que veio pedir para falar comigo. Eu até não tenho nada contra ele, mas sua posição na terra o torna indiferente aos demais, só que ele não foi convidado a participar. Ele sempre tenta colocar palavras nos corações dos demais irmãos contra mim. Sempre está jogando com sua inteligência subumana para me derrotar.

 

Então, fazendo um sinal, pediu para que eu fosse até ele.

_ O que houve! O que aconteceu! Porque não fui informado!

_ Não! Você ainda carrega a espada dos mártires, a grande dor das heranças transcendentais! Você não pode comparecer enquanto carregar sua sublimação, teimosia de querer sem comprovar que pode! O céu é para poucos!

_ Como assim! O céu é para poucos! Quer dizer que não irei para o céu!

_ O céu espiritual é diferente dos demais caminhos por onde terás que passar! Sua vida está norteada pelas entranhas terrestres e não pelo firmamento espiritual! Enquanto pensar somente terra a terra o consumirá!

 

Ouvindo isso ele se aquietou, mas espiritualmente ele está me procurando para ter mais aplausos. Eu não posso contaminar o céu com coisas da terra. Se os jaguares foram submetidos a esta organização é porque eles tiveram confiança dos seus tutores. Como portador do canal que se liga e interliga aos reinos encantados é mais fácil passar pela porta com a chave certa. Digo isso não sublimando, mas com certeza que os que receberam esta condição pela nobreza de serem especiais terão sobre si os efeitos da transformação.

 

Não adianta meus irmãos, como se diz: Relógio que atrasa não adianta. Se nossos relógios biológicos estiverem fora do compasso atômico quem perde com tudo isso é os nossos espíritos. A grande verdade está na produção de um recipiente que nos envolva em nossas vidas e não para viver largados a Deus dará. Se você não tiver este recipiente formado nunca atravessará o grande portal sem sofrer a interferência do magnético astral.

 

Esta iniciação foi a oportunidade do espirito criar sua identidade astral. A força do espírito produzindo sua corrente magnética. A aura criando seu invólucro.

 

Salve Deus!

Adjunto Apurê

An-Selmo Rá

08.08. 2018

, ,

Deixe uma resposta