REGIÃO SOMBRIA…

Salve Deus!

 

Estamos sendo testados pelo nosso conhecimento.

 

As piores batalhas serão travadas quando menos se espera, porque os espíritos estão chegando de regiões sombrias, frias e sem medo de nos enfrentar. Como deste espirito que da escuridão chegou como se estivesse flutuando no espaço. Eu vi uma imagem parecida com um filme, mas em verdade, não era filme, aquilo tudo estava acontecendo ali, naquele trono.

 

O espirito estava na aura de um médium esperando a hora dele se desligar do amanhecer. Pai Seta Branca é muito bom não permitindo que ele o alcançasse em sua cobrança. Caso ele entregasse a sua missão estaria sendo caçado por ele. Minha ninfa também o viu na aura de outra ninfa atuando, e foi preciso dar passagem para que ele recebesse a doutrina de Jesus. Quando nos tronos ele chegou dando um trabalho muito grande para reparar esta presença.

 

Não sei bem o que está acontecendo nos planos espirituais e em qual lapso de tempo eles estão chegando. Estão progredindo muito em nosso habitat e isso preocupa não somente a mim, mas a todo um conjunto de fenômenos desobsessivos. Eu senti muito frio, muita escuridão, assim como a ninfa que passou por esta provação sentiu, pois ela não sabia onde estava e sua mente foi totalmente tapada para que não fosse contaminada.

 

A espiritualidade age de formas diferentes com cada espirito que chega a um médium apara, dependendo de sua atividade eles separam os corpos dando a cada um o seu roteiro. Assim, foi possível o espirito chegar somente ao corpo físico, porque o espirito foi desligado e protegido. Este tipo de incorporação inconsciente se deve ao poder que certos espíritos dominam o espaço de suas existências.

 

O grau de consciência e inconsciência está na trama da vida. Somos eternos expectadores dos fenômenos da antimatéria, pois sem este caminho seremos sempre crianças a exaltar um poder desconhecido. Os mundos da compreensão têm alertado diretamente com suas mensagens, dando a cada um o seu roteiro. Cabe a nós interpretar e decifrar os enigmas dos espíritos.

 

Quem é quem neste episódio. Eu conheço o sistema até onde me é possível conhecer, acima de mim existem outros poderes que asseguram a existência do nosso controle. A interligação do homem consigo mesmo e com sua roupagem extras sensorial não compromete o nosso sacerdócio, mas claro que se cada um tiver respeito pela sua ordem, origem.

 

Um momento de decisão foi tomado e a força seguiu reagindo ao combate. O espirito, então foi desligado do apara que também sentiu os efeitos de sua manifestação.

 

Salve Deus!

 

Adjunto Apurê

An-Selmo Rá

26.05.2018

 

Sair da nossa lista:

Receber/Deletar

, , , ,

Deixe uma resposta