EM MISSÃO ESPECIAL

 

Salve Deus!

 

No mundo espiritual existem espíritos missionários.

 

Eu estava nesta quarta-feira pela manhã, antes de abrir os trabalhos no templo, quando um espírito de um jaguar doutrinador veio me procurar.

 

_ Mestre! Eu vou me matar! Vou tirar minha vida! Já não suporto mais esta tristeza, este abandono, esta falta de evolução material! Não aguentou mais ficar sob o julgo dos olhares de minha própria família que não me entende ou procura me criticar!

 

_ Salve Deus! Jaguar, você tem tudo em tuas mãos, mas a mudança tem que começar por você mesmo! Você que tem que modelar o seu aledá, a sua vida, e praticar a fé como lhe foi ensinada! Não adianta ficar sentado, dormindo, e o mundo seguindo sua estrada! Faça por onde merecer, porque ninguém pode dormir no ponto e perder a condução!

 

Falando isso ele ficou só escutando. Como na quarta-feira temos nosso canal emissor diretamente ligado aos planos superiores, a espiritualidade aproveita deste ritual para nos abastecer de amor e compreensão. Foi então que neste dia Janaína, nossa querida princesinha de amor e luz veio nos consagrar.

 

_ Salve Deus meu filho! Eu venho vos parabenizar pelo dia do doutrinador! Estou aqui, viu meu filho, trazendo estas luzes do céu para coroar seu caminho! Continue seu trabalho!

 

_ Salve Deus!

 

Assim o ritual continuou sendo modelado a nossa imagem e semelhança. A corte das princesas estava emanando do céu estas benditas forças para nos alimentar de esperança. O caminho nos leva a aprimorar nosso eu material, físico, porque lá no mundo espiritual existem somente missionários. Lá não tem apará, porque vai incorporar quem, se já é espírito. Tem muitos doutrinadores, sim, porque pregam a palavra de Jesus, então o que Tia Neiva preparou para o doutrinador é seu caminho espiritual. Cada qual que se levanta da terra já tem seus dotes preparados para exercer sua missão. Cada apará lá é um doutrinador consciente.

 

Eu estava me preparando para subir quando chegou aqui um mestre ajanã de Brasília, Mestre Paulo, em espírito. Ele queria ir junto comigo nesta viagem e assim concordei. Não estava nada programado na terra, mas quando passamos para o céu, as coisas mudam. Fomos então para um hospital espiritual. Ele era redondo com três andares. Cada andar havia muitos quartos de atendimento, enorme, mas a surpresa ainda não tinha acontecido. Vendo o quadro dos médicos, eu via que muitos médicos trabalham na terra e os verdadeiros missionários são levados pelo duto para este lugar, para poderem atender aos pacientes espirituais. Havia uma reunião dos jalecos brancos e cada qual iria assumir um comando dentro deste centro especializado. Eu fui até eles e notei que eles estavam esperando a presença de mais um médico que havia desenlaçado a poucos dias da terra. Ele estava sendo preparado para assumir a medicina de sua formação. Fora um bom médico na terra e aqui deverá ser também. Busquei informação sobre quem era e eles me disseram somente que era meu parente.

 

Paulo ficou admirado com tanta responsabilidade, com tanta preocupação destes médicos com os pacientes em terra. Andamos juntos e a cada cortina que se abria mais conhecimento nos aguardava. Espiritualmente somos todos pacientes, precisamos de assistência médica para a nossa cura.

 

O templo na terra é o canal receptor das forças que descem para aliviar a carga pesada dos encarnados. Os desencarnados já são atendidos diretamente no plano que se encontram. Alguns ainda permanecem na terra fluídica como cobradores de seus algozes, porque não conseguem perdoar e ficam ligados ao pensamento. A ligação se dá pela impregnação mediúnica e sempre leva seus cobrados a um quadro difícil de resolver pela psiquiatria. Altas doses de medicamento são administradas para conter o avanço da enfermidade psíquica. Seria tão mais fácil resolver espiritualmente trabalhando em dois campos para ter merecimento. Na terra, além de manipular as energias, ajudar na construção da casa de Seta Branca. O Pai tem o maior respeito e compreensão pelo filho que assume esta missão de construir, de edificar, porque quando ele ergue uma parede ele paga mais uma divida.

 

Tia Neiva nos deixou muitas lições nesta vida missionária. Eu estava sentado na casa grande quando ela pediu para seu assessor Alencar ligar para um mestre que estava trabalhando no senado. Ela pediu para que ele largasse tudo e viesse imediatamente falar com ela. Alencar ligou e logo o jaguar entrou pela porta.

 

_ Salve Deus Tia Neiva! Estou aqui!

_ Meu filho sente um pouquinho que já vou falar com você!

 

Assim o jaguar sentou-se na sala e pacientemente aguardava ela no atendimento aos demais pacientes. Logo ela disse:

 

_ Meu filho! Ta vendo aquela mesa ali! Traga ela para cá! Ta vendo aquele armário ali, mude para lá!

 

E assim ele foi fazendo o que ela pedia. Ao terminar ela o dispensou.

 

_ Salve Deus meu filho! Agradeço sua bondade! Pode voltar a trabalhar!

 

O mestre sem saber o motivo e pensando, tantos outros mestres ali que poderiam ter feito esta mudança, e logo ele. Este jaguar estava sem bônus espiritual para o que viria pela sua frente e não teria como pagar alguma coisa em seu destino. Tia Neiva pagou com seus bônus este trabalho que ele teve na casa grande. Ela não disse o que seria, porque sempre mantinha o silencio de sua missão, mas boa coisa não deveria ser, porque para pedir o comparecimento dele deveria ser algo muito sério.

 

Alencar ainda tentou tirar alguma coisa dela, mas não, ela somente olhava para o mundo espiritual. Eu fiquei ali olhando para aquela cena e sentindo imenso respeito pela clarividente. Ela me olhava eu no canto da sala, eu não falava, olhava, via somente. Ela sorria em silencio me dando forças para continuar minha missão. A gente se conhece pelo olhar, pelo pensamento, pela telepatia. Não precisa abrir a boca para compreender os sinais de sabedoria.

 

Em missão especial. Vejam quantas conquistas temos neste sacerdócio. Vejam quantas maravilhas já aconteceram no esclarecimento da verdade. Vejam que ela simplesmente pegou a chave e abriu as portas do céu para todos os encarnados. Agora que já tem esta porta aberta, não durmam mais no caminho. Acordem seus espíritos, sejam mansos e pacíficos, sejam obreiros de uma evolução muito consciente que a terra jamais viu. Mas tem jaguares ainda tenebrosos e vulgares com suas responsabilidades. Não ajudam em nada, nada fazem pelos outros e por si mesmos. A estes que se encontram vegetando não chegarão à plenitude de suas conquistas. Sempre serão derrotados pela sua ignorância mediúnica.

 

Tão logo o doutor chegue a este hospital eu trarei mais noticias.

 

Salve Deus!

Adjunto Apurê

An-Selmo Rá

05.05.2017

1 thought on “EM MISSÃO ESPECIAL

Deixe uma resposta