REVOLTA

Salve Deus!

 

O mundo espiritual estava na maior desordem, uns gritavam por Jesus, outros diziam crucifique.

 

Levantei ruim, uma tristeza danada. Ao entrar neste campo espiritual havia uma revolta geral onde espíritos que se abandonaram estavam praticando o mesmo caminho que há dois mil anos atrás marcou esta passagem. A dor de um homem que amou demais respeitando seus inimigos entregou a sua vida em prol da libertação, da verdade.

 

Vultos surgiam não sei de onde ou para onde iam. Sagazes infiltrados na multidão incentivavam a morte não dando tempo de raciocinar. A obsessão social foi tão violenta que os infiltrados jogaram a multidão contra Jesus. Um inocente sendo culpado de uma coisa que não fez. A única coisa que ele fez foi dizer que era filho de Deus. “Meu pai porque me abandonastes”.

 

Eu fiquei constrangido diante de tanta voracidade. Perdoem-me, mas o que vi me deixou com uma energia tão negativa que ao levantar-me ainda sentia refletir no meu corpo.

 

Jesus, perdão, nós não sabíamos o que fazíamos!

 

Salve Deus!

 

Adjunto Apurê

An-Selmo Rá

15.04.2017

Deixe uma resposta